Lei Seca: As dúvidas mais frequentes dos motoristas sobre o assunto

O Despachante.com responde as dúvidas mais comuns sobre a Lei Seca

Google

Google


Lançada em 2008 pela Polícia Rodoviária Federal, a Lei Seca visa reduzir o número de acidentes provocados por embriaguez no Brasil, aumentando as punições para o motorista que dirigir alcoolizado.
Mas este número ainda é alto. Segundo dados divulgados pela Polícia Rodoviária Federal, em 2015 foram computados 479 acidentes fatais nas rodovias do país. Apesar da lei já existir há 8 anos, muitos  motoristas ainda têm dúvidas sobre o assunto. Mas fique sossegado, o Despachante.com responde algumas das perguntas mais comuns que recebemos. Acompanhe:
Qual a quantidade de álcool que posso beber antes de dirigir?
O condutor que apresentar índice superior a 0,33 miligramas de álcool por litro de ar expelido já é considerado infrator.  Para ter ideia, uma tulipa de chope ingerida por um homem de 70 kg representam, em média, a ingestão de 0,11 mg/L no bafômetro.
Outros países têm o mesmo rigor em relação ao consumo de álcool por motoristas?
Para os americanos, por exemplo, ser pego dirigindo alcoolizado é motivo de prisão. Se no momento da abordagem o policial concluir que condutor está realmente alterado, exige-se que este faça o teste de ficar em pé com uma só perna e caminhar em linha reta. Caso não consiga a pessoa é levada presa.
Na Europa também se segue uma linha rigorosa, quem for pego dirigindo alcoolizado perde a carteira de motorista por quatro anos, além de ser detido. Se a pessoa se recusar a fazer o teste de sopro também é levado preso e deve pagar uma multa.
Sou obrigado a fazer o teste de bafômetro?
O motorista pode se recusar a fazer o teste, porém recebe multa de R$1.915,40 e responde ao processo de suspensão de CNH pelo período de um ano. Vale ressaltar que fotos, vídeos e comportamentos alterados diante das autoridades também servem como prova contra o condutor.
O que acontecerá se eu me recusar a fazer o exame e depois entrar com um recurso, alegando que não estava bêbado?
Já prevendo esta atitude dos motoristas, a Lei prevê que o testemunho do agente de trânsito ou policial rodoviário tenha força de prova diante do juiz.
Se ingerir bebida alcoólica no almoço, por exemplo, quando poderei dirigir? Quantas horas são necessárias para eliminar por completo o álcool?
Isso varia de pessoa para pessoa. Considerando que você beba dois copos de chope, o álcool pode ser detectável durante um período de três a seis horas.
Caso uma pessoa coma um bombom de licor ou tome algum tipo de medicamento com álcool, poderá ser constatada alguma dosagem de álcool nos exames de bafômetro?
Se a pessoa acabou de ingerir alguns bombons de licor, por exemplo, vai acusar no teste do bafômetro. Até mesmo com o caldo de cana é possível. Por isso, é importante que explique ao policial e peça que refaça o teste em 10 a 15 minutos – provavelmente não deve acusar mais.
Após constatado o uso de álcool pelo motorista, quais penalidades serão aplicadas?
O motorista será multado por infração gravíssima, no valor de R$ $1.915,40, terá a permissão de dirigir suspensa por um ano. Ele também pode ser preso em flagrante
Como o motorista pode recorrer caso se sinta injustiçado?
Ele pode entrar com recurso junto ao órgão responsável
Se entrego meu veículo para um amigo, que também ingeriu bebida alcoólica, dirigir e somos parados por uma blitz, o que acontece?
Entregar o veículo para alguém que esteja sob influência de álcool é uma infração gravíssima e pode render multa de sete pontos na carteira do dono do veículo, além de punições para o motorista infrator.
 
Tem mais alguma dúvida? Deixe sua pergunta aqui nos comentários que o Despachante.com responde para você.
Teve sua CNH suspensa? O Despachante.com pode te ajudar a entrar com um recurso e diminuir o tempo de suspensão. Clique aqui e saiba mais.

2016-06-27T10:31:59+00:00 junho 27th, 2016|Educação no Trânsito|0 Comentários

Deixar Um Comentário