Vale a pena trocar de banco no meio do financiamento de um veículo?

Veja abaixo se compensa você fazer a portabilidade no financiamento de um veículo

Fazer a troca de financiamento para aproveitar as quedas de juros promovidas pelos bancos privados existentes no Brasil pode ser uma boa para quem optou por essa modalidade para comprar o seu veículo. Por muitas vezes, a troca do financiamento é vantajosa e o cliente pode sair ganhando.

De acordo com a legislação, a portabilidade de dívidas é uma opção boa para os que fizeram um financiamento com grandes saldos devedores e a longo prazo. Mas, mesmo com as vantagens, deve-se ficar atento às taxas de cartório, que podem ser maior do que aos valores economizados, algo que alunaria o desconto. Se você está pensando em trocar de banco de seu financiamento, os especialistas aconselham a negociar os débitos na própria instituição financeira.

Carro zero completo

A portabilidade passou a ser conhecida no Brasil principalmente na área de telefonia, mas é válida também para outros tipos de serviços. Em caso de financiamentos, é quando o cliente escolhe outro banco para continuar o pagamento de sua dívida. Ao optar por essa nova instituição, ela paga a dívida com o banco original e se torna uma nova dona da dívida do cliente. De acordo com o Banco Central, a portabilidade de financiamento vale para todos os contratos de operações de crédito e de arrendamento mercantil ou leasing, quando o cliente opta por pagar uma taxa mensal para usar o bem, ao final deste contrato, escolhe se ficará com ele ou não.

O empréstimo de dinheiro deve ser tratado como qualquer outra mercadoria e, se ela está mais cara em um banco do que no outro, deve-se procurar opções mais em conta em outra instituição. Mas vale frisar que uma renegociação com o próprio banco pode ser também uma ótima opção, pois, nem sempre a busca pela melhor taxa é um processo fácil. Pode ser muito burocrático, moroso, além de demandar tempo e pesquisa.
Verifique se vale mais a pena renegociar o saldo devedor com o próprio banco do que fazer a portabilidade, caso o cliente tenha folga no orçamento e possa arcar com as despesas da portabilidade, a migração compensa com uma redução a partir de 1,5 ponto percentual na taxa de juros.

Em caso do banco cobrar multas, o banco pode ser acionado judicialmente.

E você, o que acha sobre a troca de bancos no financiamento? Comente abaixo e curta nossa página no Facebook!


linha linha

Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário.

Você também pode gostar de:

6 respostas para “Vale a pena trocar de banco no meio do financiamento de um veículo?”

  1. Leila Marinho da Silva Santos disse:

    Posso fazer a portabilidade tendo pago mais de um ano de parcelas?

  2. aline disse:

    Posso fazer a portabilidade faltando só oito meses para acabar o financiamento

  3. Carlos Eduardo disse:

    Tenho 26 parcelas em aberto em um c]banco. Posso portar para outro banco renegociando para 36x? Como é que se solicita isso?

Deixe uma resposta