3 Coisas Que Você Precisa Saber Antes de Ter um Transporte Escolar

Existem escolas ou outras instituições de ensino perto de sua casa ou, até mesmo, algum contato com o meio em seu círculo profissional? Então, investir no negócio de transporte escolar talvez seja uma boa ideia! Não é difícil levar um trabalho como esse para frente, entretanto, deve-se conhecer as minúcias relacionadas a ele antes de ter um transporte escolar de fato.

Selecionamos alguns tópicos sobre os quais você precisa ter conhecimento e listamos neste artigo. Confira e comece a pensar em sua próxima empreitada!

1. Pré-requisitos

Não é qualquer motorista habilitado que pode trabalhar com transporte escolar. Existem alguns requisitos e responsabilidades por parte do condutor que não podem ser deixadas de lado.

Para conduzir um transporte escolar o motorista deve ter mais de 21 anos e possuir carteira de categoria D. Além disso, é necessário também fazer um curso para condutores exclusivamente focado em transportes do tipo e tomar muito cuidado com a documentação veicular, pois se for pego em flagrante com algum dos itens vencidos, a multa pode ser altíssima.

2. Estude a demanda

Ainda que haja muitas escolas em seu bairro, por exemplo, antes de começar a investir em ter um transporte escolar é necessário verificar se há demanda para tal. Muitas vezes, se os alunos moram por perto, mães e pais podem fazer o traslado, o que faz com que o transporte feito por terceiros seja inutilizado.

Portanto, vá até as escolas e instituições e converse com os responsáveis. Pergunte e garanta que um serviço como o que pretende oferecer faria diferença na rotina dos alunos. Você também pode ficar à disposição para excursões esporádicas, por exemplo.

3. Conheça a legislação antes de ter um transporte escolar

Bem como as limitações impostas para o condutor, existem algumas características que o veículo deve apresentar para transportar crianças com segurança e seguir a lei à risca. Veja:

  • cartão de identificação do auxiliar e selo de vistoria anual fixados no para-brisa;
  • placa vermelha;
  • número de autorização da SMTU fixado no veículo;
  • faixa amarela com 40cm de largura (palavra escolar em preto por toda a extensão da carroceria);
  • porta para embarque e desembarque de ambos os lados.

As portas do veículo devem abrir somente pelo lado de fora (a não ser as que dão acesso ao local de motorista e passageiro, à frente) e as janelas devem ter sua abertura limitada a 10cm. Todos os passageiros devem ter à disposição o cinto de segurança, cujo uso é imprescindível durante o trajeto.

Agora que já sabe o que precisa para ter um transporte escolar regularizado, confira mais dicas sobre o assunto aqui no blog do Despachante.com!

2019-01-11T19:14:30+00:00 janeiro 9th, 2019|Dicas|0 Comentários

Deixar Um Comentário