Vagas de garagem: a dor de cabeça da vizinhança

Início » Vagas de garagem: a dor de cabeça da vizinhança

Vagas de garagem: a dor de cabeça da vizinhança

As vagas de garagem nos condomínios têm gerado muitos problemas no bom convívio de moradores. O motivo? Vagas apertadas, presas e até aquelas que são prejudicadas por colunas, podem fazer com que acidentes aconteçam e você acabe esbarrando no veículo do seu vizinho. Para tentar amenizar o seu problema, o Despachante.com apresenta algumas soluções que podem servir de alterativa.

Vagas apertadas/Google

Vagas apertadas/Google


Para aquele vizinho espaçoso, que ultrapassa a marca denominada de seu espaço, fazendo com que o seu fique cada vez mais reduzido, um gesto simples que, com certeza, o deixará constrangido é deixar um bilhete em seu para-brisa solicitando que o mesmo permaneça dentro da remarcação. Em caso de descumprimento do pedido, deixe mais um, dois, três, quatro… Até que ele perceba que está o prejudicando.
De acordo com o Código de Obras e Edificações de São Paulo, quase 50% das vagas em condomínios residenciais devem ser de tamanho pequeno, com 2m X 4,20m e, 5% de tamanho grande, com 2,5m X 5,50m. Essas dimensões precisam, obrigatoriamente, estar especificadas no contrato de compra do apartamento, em casos de imóveis com vagas determinadas.
Se você possui um veículo grande, mas com vaga pequena, negocie com seus vizinhos, caso more em um apartamento de vagas indeterminadas. Outra alternativa é propor sorteio periódicos entre os moradores, evitando conflitos.
Nunca deixe a chave de seu automóvel com seu vizinho, caso ele estacione na sua frente. O ideal, nestes casos, é o condomínio contratar uma empresa especializada em arquitetura para estudar arranjos na garagem ou, até mesmo, optar por serviços de manobrista, algo que subiria o orçamento do prédio.
Existem moradores que possuem duas vagas e aproveitam para estacionar também sua moto ou bicicleta. Cabe ao condomínio rever a situação e o que está previsto na convenção coletiva. Se este for o seu caso, discuta na reunião de condomínio qual a melhor solução.
Por fim, fazer a sua garagem de depósito não é nada legal. Despejar objetos antigos atrapalha o bom convívio social entre moradores e ainda é passível de multa. Fique atento.
Se você está enfrentando problemas com a garagem de seu condomínio, compartilhe conosco comentando abaixo. Teremos o prazer de esclarecer suas dúvidas.

2013-09-20T08:30:17+00:00 setembro 20th, 2013|Carro|2 Comentários

2 Comentários

  1. Vladmir 10 de julho de 2015 em 07:54 - Responder

    Sou sindico de um condomínio residencial, as vagas de garagem são horríveis, pequenas e colunas atrapalham ainda mais. Temos sistema de monitores na garagem, e essa semana, um veículo foi esbarrado, a proprietária mandou – me um gmail ameaçador, querendo providências minhas para evitar problemas para o condomínio. O que devo fazer para solucionar este problema?

    • Equipe Despachante.com 10 de julho de 2015 em 09:58 - Responder

      Procure um síndico e advogado para tratar sobre o assunto.
      Obrigada,
      Equipe Despachante.com

Deixar Um Comentário