As Principais Características de um Motor de Fórmula 1

Os aficionados por carros normalmente têm outra paixão em comum: os esportes automobilísticos e amam o ronco e a potência de um motor de Fórmula 1, a principal categoria do automobilismo mundial.
Alma de qualquer carro, os motores são especialmente importantes para o bom desempenho na F1. E embora a cada temporada os propulsores sofram mudanças e aperfeiçoamentos para atenderem ao regulamento e se tornarem mais competitivos, algumas características permanecem ao longo dos anos. Neste texto falamos sobre elas.

3 Características que identificam um motor de Fórmula 1

Ao longo das suas sete décadas de história, a F1 já alterou muitas vezes a configuração de seus carros e, principalmente nos últimos anos, tem tentado tornar seus propulsores mais verdes, ou seja, mais amigos do meio ambiente, usando-os como um laboratório tecnológico para o desenvolvimento dos motores dos veículos de rua.
No entanto, com todas as alterações feitas ao longo dos anos, três características marcam sempre um motor de Fórmula 1. Veja quais são elas:

O ronco

Uma corrida silenciosa não seria uma corrida de F1! Os carros da principal categoria de automobilismo do planeta são muito barulhentos e essa é uma das suas principais características de identificação.
O ronco do motor soa como música para os apaixonados e quando um propulsor canta sem desafinar, as chances de dar espectáculo nas pistas é grande.

A potência

Motores de veículos de corrida têm de ser rápidos, afinal o objetivo nessas competições é chegar em primeiro lugar. Sendo assim, os carros de F1 são sempre muito potentes, equipados com impulsores de muitos cavalos, capazes de chegar a altas velocidades em pouquíssimos segundos.

A agressividade

Além de ronco e alta potência, um motor de Fórmula 1 deve sempre ser agressivo, capaz de levar o carro a responder bem a acelerações e fazer ultrapassagens sem dificuldade na pista.
Leve e veloz, uma máquina da F1 precisa de torque que faça o motor girar em alta rotação, para acelerar e retomar a velocidade com facilidade.
Se você é um fã de automobilismo, deve ter gostado desse conteúdo e agora já sabe quais são as principais características de um motor de Fórmula 1. Aproveite e veja também 3 dicas para aprender a interpretar o torque de um carro.

2017-08-03T17:45:54+00:00 agosto 3rd, 2017|Carro|0 Comentários

Deixar Um Comentário